Acabe agora com os
problemas de lixo da sua cidade!

Lidar com lixos e esgotos é um dos principais problemas enfrentados pela gestão de pequenos municípios. Descubra como as prefeituras das grandes cidades estão conseguindo resolver estes impactos ambientais sem qualquer investimento.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) estima que anualmente 15 mil pessoas morrem e 350 mil são internadas no Brasil todos os anos devido a doenças ligadas à precariedade do saneamento básico, situação agravada pela pandemia da Covid-19.
Garrafa de plástico usada na praia

Saneamento além da Saúde Pública

A universalização dos serviços de água e esgoto reduziria em R$ 1,45 bilhão os custos anuais com saúde, segundo dados da Confederação Nacional da Indústria (CNI).

 

A Organização Mundial da Saúde (OMS) aponta que, para cada R$ 1 investido em saneamento, gera-se uma economia de R$ 4 em gastos com saúde.

(assista o vídeo para mais detalhes)

caminhão de lixo

O Novo marco do Saneamento

(entenda o novo marco neste vídeo)

O novo marco define os municípios como responsáveis pelo serviço de saneamento e permite a criação de convênios de cooperação entre cidades vizinhas.

 

A lei estabelece duas metas para 2033:
 

  • acesso à água potável para 99% da população e ao esgoto, para 90%.
     

  • estende o prazo para o fim dos lixões de 31 de dezembro de 2020 para agosto de 2021 a agosto de 2024, conforme a localização e porte do município.

Reciclando

A Solução

Devido aos altos índices de contaminação e problemas de saúde ligados a falta de saneamento o Ministério Público vem cobrando urgência das Prefeituras para eliminação dos lixões, ainda utilizados em cidades de pequeno porte.

No entanto, a coleta, a consolidação e o transporte para destinação em aterros sanitários são muitas vezes financeiramente inviáveis para estes pequenos municípios.

Uma das principais mudanças do novo marco é a maior abertura do setor à iniciativa privada, que anteriormente via os investimentos no setor como arriscados devido a falta de regras e segurança.

Com isso a licitação passa a ser obrigatória para que contratos possam ser firmados, aumentando a complexidade para municípios pouco experientes.

Homem tubulação da terra arrendada

Somos especializados em transformar projetos em realidades

Cidade e natureza

Ajudamos o desenvolvimento de projetos

  •  Análise prévia da viabilidade do Município para:

    • Abastecimento de água potável

    • Manejo de águas pluviais

    • Coleta e tratamento de efluentes (esgoto)

    • Coleta e tratamento de resíduos sólidos (lixo)

  • Adequação e composição de Consórcios Municipais

  • Modelagem de Estudo de Viabilidade Técnica, Econômica e Ambiental (EVTEA)

  • Atração de investidores do setor privado

  • Concessão dos serviços de saneamento de acordo com o novo marco regulatório

Entre em contato e fale diretamente com um de nossos consultores

Ou mande um e-mail para:
contato@primaconsultoria.com.br